125 cc
Share |

CBR 125 R

CBR 125 R

Informação Adicional

Motor Mono-cilíndrico, arrefecido por líquido, 4 tempos, 2 válvulas, SOHC
Cilindrada 124,7 cm3
Alimentação Injecção electrónica multi-ponto PGM-FI
Depósito de Combustível 13 litros (incluindo reserva por mostrador LCD)
Embraiagem Húmida, multi-disco com molas helicoidais
Caixa de Velocidades 6 velocidades
Transmissão Final Corrente selada por O-rings
Quadro Pentagonal; dupla trave em aço
Dimensões 1.946 x 704 x 1.089 mm
Altura do Assento 793 mm
Peso em ordem de Marcha 136,9 kg
Suspensão frente Forquilha telescópica de 31 mm, curso de 120 mm
Suspensão retaguarda Mono-amortecedor, 126 mm curso do eixo
Pneu Frente 100/80-17M/C
Pneu Retaguarda 130/70-17M/C
Travão frente Disco 296 x 4 mm, com pinça de pistão duplo e pastilhas de metal sinterizado
Travão retaguarda Disco de 220 x 4 mm, com pinça de um pistão e pastilhas de metal sinterizado
Fabricante Honda

Conceito

A classe das 125 cm³ desportivas é onde começam as carreiras dos pilotos. Para a vasta maioria dos novos condutores, na estrada e nas pistas, estas motos são o primeiro passo de uma trajectória que pode levar a qualquer lugar, talvez mesmo até ao topo. Por este motivo, as motos desportivas de 125 cm³ carregam uma enorme responsabilidade. A sua condução tem de ser tão compensadora como a dos modelos Supersports de maior dimensão, especialmente onde a potência do motor não é tão importante, tal como na cidade e em estradas muito sinuosas. Também têm de ser fáceis de conduzir, fomentando de forma paciente as capacidades dos novos condutores e permitindo-lhes ganhar confiança nas duas rodas. Se uma moto desportiva de 125 cm³ conseguir deixar o seu condutor à vontade no controlo básico da moto, então já cumpriu a sua função. Claro que a moto desportiva perfeita de 125 cm³ também é imensamente divertida de conduzir. Estes modelos representam a primeira oportunidade da indústria motociclística em captar a imaginação do condutor; e mostrar quão entusiasmante e compensadora é a oportunidade de conduzir uma moto , sem sequer mencionar os aspectos práticos da moto para as deslocações nas estradas congestionadas dos centros urbanos. Isto só se consegue oferecendo uma moto concebida como uma moto desportiva logo desde o início – fornecendo as respostas ágeis e emotivas que os novos condutores procuram. A fiabilidade e a baixa manutenção são factores muito importantes. É muito provável que a primeira moto de um condutor tenha de desempenhar uma vasta diversidade de tarefas, desde as viagens de lazer ao fim-de-semana, aos "track days" nas pistas ou às deslocações casa-trabalho-casa durante a semana. Uma tal moto tem de possuir uma fiabilidade absoluta, com baixos custos de manutenção e utilização despreocupada, como factores também muito importantes. Idealmente, também deveria oferecer conforto ao passageiro, para que o jovem condutor possa partilhar a diversão com os seus amigos. Desde a sua introdução em 2004, a CBR125R representa a primeira moto desportiva ideal. Compacta, leve e abençoada com o requinte, a facilidade de utilização e a maneabilidade acolhedora que se tornaram sinónimos da família CBR, este modelo já se tornou popular entre os jovens condutores de todo o mundo. Mas chegou a altura para uma moto desportiva de 125 cm³ mais sofisticada, com a sensação de qualidade associada às motos maiores. Para 2011, a novíssima CBR125R está pronta a demonstrar o seu valor como a primeira moto desportiva perfeita, para uma nova geração de condutores. CONCEITO DE DESENVOLVIMENTO As motos Supersport são as derradeiras motos de estrada – modelos de elevadas performances, com as mais recentes tecnologias de ciclística e de motor. São entusiasmantes de conduzir nos limites, oferecendo emoções que nenhum outro tipo de moto consegue igualar. A CBR125R de 2011 foi concebida para oferecer uma dinâmica de condução semelhante, dando aos jovens condutores a oportunidade de desenvolverem as suas aptidões de condução desportiva logo desde o início. A versão actual da CBR125R é uma moto tremendamente popular, e que serviu de "escola" a toda uma geração de condutores desportivos. Mas, apesar das suas dimensões reduzidas serem uma mais-valia importante em muitas ocasiões, assegurando uma maneabilidade fácil, baixo peso e a capacidade de "furar" por entre o trânsito urbano, surgiu a procura por uma moto de 125 cm³ que seja, em todos os aspectos, igual a uma das grandes desportiva. A resposta da Honda a esta procura vem sob a forma de uma nova moto de baixa cilindrada mas com ambições grandes – a CBR125R de 2011. As premissas eram muito simples: criar uma 125 cm³ desportiva com a aparência e as sensações de uma moto maior e mais cara. Esta nova moto desportiva teria de manter as características de comportamento fáceis da CBR125R actual e o seu motor mono-cilíndrico muito rotativo, mas "embrulhá-los" num conjunto completamente novo, com o estilo sofisticado e as proporções de "moto grande" exigidas pelo jovem condutor desportivo moderno. Também ficou decidido que deveria inclui rodas e pneus de tamanho mais impressionante, melhorando a maneabilidade e ajudando a criar a sensação de uma moto bastante maior. Finalmente, as mais recentes evoluções em termos de tecnologias de injecção de combustível e de catalisadores tornariam a CBR125R de 2011 mais eficiente do que a sua antecessora. CARACTERÍSTICAS PRINCIPAIS - Motor mono-cilíndrico, fiável e económico, com 124,7 cm3, arrefecimento líquido, e injecção de combustível PGM-FI. - Quadro leve dupla trave em aço, tipo diamante, com geometria desportiva para uma maneabilidade intuitiva e entusiasmante. - Posição de condução confortável mas envolvente e baixo peso (136,9 kg) formam uma moto desportiva de 125 cm³ muito maneável e fácil de conduzir. - Pneu traseiro largo 130/70-17M/C, para uma experiência de condução arrebatadora e estilo Supersport. - Painel de instrumentos digital avançado multi-funções. - Carenagem integral atraente.

Disponibilidade: Sob Consulta

3 600,00 €

Seja o primeiro a analisar este produto

* Campos obrigatórios

3 600,00 €

Etiquetas de Produtos

Utilize um espaço para separar as etiquetas. Utilize aspas simples (') para frases.