Super Sport
Share |

CBR 500 R

CBR 500 R

Informação Adicional

Motor Bicilíndrico paralelo, 4 tempos, arrefecimento por líquido
Cilindrada 471 cm³
Potência Máxima 35 kW às 8600 rpm
Binário Máximo 43 N·m às 6500 rpm
Alimentação Injeção eletrónica de combustível PGM-FI
Depósito de Combustível 17,1 litros (incluindo a reserva)
Embraiagem Embraiagem húmida, assistida/deslizante, discos múltiplos
Caixa de Velocidades 6 velocidades
Transmissão Final Por corrente
Quadro Diamante em aço
Dimensões 2080 mm x 760 mm x 1145 mm
Altura do Assento 785 mm
Peso em ordem de Marcha 192 kg
Suspensão frente Forquilha Showa SFF-BP USD, 41 mm de diâmetro
Suspensão retaguarda Monoamortecedor Pro-Link com 5 níveis de regulação da pré-carga e braço oscilante cruzado e oco em aço
Pneu Frente 120/70ZR17M/C (58W)
Pneu Retaguarda 160/60ZR17M/C (69W)
Travão frente Disco de 296 mm x 4 mm com pinça radial Nissin de quatro êmbolos
Travão retaguarda Disco de 240 mm x 5 mm com pinça de um êmbolo
Fabricante Honda
  1. Introdução

 

Um modelo rápido, económico, de preço acessível e – mais importante – divertido, a CBR500R de carenagem integral – lançada em 2013 juntamente com a naked CB500F e a CB500X de aventura – injeta uma energia desportiva de pura diversão, graças ao motor de dois cilindros deste modelo de baixo peso e média cilindrada.

 

Imensamente popular entre a camada mais jovem de condutores que procura passar de uma moto de cilindrada mais baixa para outra mais alta, com mais de 50% dos proprietários com menos de 30 anos, a CBR500R oferece toda a condução entusiasmante de uma moto desportiva, mas com custos de manutenção muito comedidos, o que a torna numa moto muito adequada para as deslocações diárias casa-trabalho-casa e para as escapadelas de fim de semana.

 

Em 2016, a CBR500R assumiu um estilo mais acutilante com as renovações então introduzidas que, entre outras, incluíram luzes de LEDs e atualizações na suspensão dianteira; em 2019, este modelo recebeu melhorias ainda mais agressivas, com novas formas e uma posição de condução de inclinação ainda mais desportiva. O motor também sofreu uma evolução, oferecendo performances ainda mais fortes logo desde baixa rotação, com aceleração potente em toda a faixa de rotação até ao redline e uma sonoridade ainda mais marcada. Em 2020 este modelo recebeu homologação EURO5.

 

Tendo provado a sua indiscutível qualidade de estrela ao lado das suas irmãs, a CBR500R recebe em 2022 uma grande atualização de suspensão, na forma de uma forquilha Showa SFF-BP USD de 41 mm diâmetro e alta qualidade, dois discos de travão à frente, novas jantes e braço oscilante ainda mais leves, bem como outras atualizações de pormenor incluindo um novo esquema cromático.

  1. Generalidades do modelo

 

Juntamente com as mudanças no motor, por exemplo, um sistema de injeção de combustível de afinações revistas e um novo radiador mais leve, a componente ciclística tira todas as vantagens da adição da forquilha Showa SFF-BP USD de 41 mm, com pinças Nissin radiais de quatro êmbolos e discos de 296 mm, jantes mais leves de 5 raios e braço oscilante redesenhado - tudo para melhor maneabilidade e travagem a alta velocidade. A distribuição do peso foi ligeiramente deslocada para a frente, dando mais aderência e sensibilidade ao pneu dianteiro.

 

O estilo foi atualizado com um novo guarda-lamas dianteiro, uma herança da CBR650R; os poisa-pés desportivos em alumínio agora são também equipamento de série. Tal como antes, o painel de instrumentos LCD inclui uma função de engrenar uma mudança mais alta e um indicador de mudança engrenada; todas as luzes são agora premium de LEDs e o novo farol, também herdado da CBR650R, espalha um feixe de luz ainda mais amplo.

 

A CBR500R de 2022 vai estar disponível nos esquemas cromáticos seguintes:

 

Vermelho Grand Prix

Preto Metalizado Mate Gunpower **NOVO para 2022**

 

  1. Caraterísticas Principais

 

3.1 Ciclística e estilo

 

  • Nova forquilha SFF-BP USD Showa de 41 mm de diâmetro e êmbolo de grandes dimensões
  • Novo sistema com dois discos de 296 mm e pinças Nissin radiais de quatro êmbolos
  • Jantes e braço oscilante mais leves e poisa-pés em alumínio
  • A distribuição do peso foi ligeiramente deslocada para a frente, melhorando a aderência da frente
  • Novo farol herdado da CBR650R
  •  

Leve, robusto e inalterado para 2022, o quadro principal em tubos de aço tipo diamante de 35 mm de diâmetro tem um determinado grau de flexão que dá muito feedback ao condutor conforme as superfícies das estradas mudam. O formato e a posição dos apoios do motor, juntamente com o equilíbrio da rigidez do quadro mantêm também as vibrações num mínimo absoluto.

 

O novo conjunto dianteiro de suspensão é imediatamente percetível. Com o objetivo de aumentar as performances desportivas, a forquilha telescópica de 41 mm do modelo anterior foi substituída por uma unidade Showa SFF-BP USD de êmbolo de grandes dimensões e funções separadas com 41 mm de diâmetro, acoplada a novas mesas em cima e em baixo. A divisão das funções – amortecimento de pressão separada por êmbolo e grandes dimensões numa coluna e mecanismo de mola na outra – oferece uma enorme melhoria nas reações e na qualidade de condução. A tetracilíndrica CBR650R usa exatamente a mesma configuração.

 

Num esforço adicional para melhorar a qualidade de condução, a CBR500R de 2022 possui novas jantes de 5 raios em forma de Y mais leves, em vez dos 6 do modelo anterior. A largura da jante dianteira é de 3,5 polegadas, com pneu 120/70-ZR17; o pneu traseiro tem dimensões 160/60-ZR17 numa jante de 4,5 polegadas.

 

O braço oscilante redesenhado também reduz o peso e agora é fabricado em aço de 2 mm (em vez de 2,3 mm) e emprega um membro transversal oco e proteção de corrente redesenhada. Mais rígido em termos de rotação, o novo braço oscilante também é mais flexível lateralmente para melhorar a maneabilidade da CBR500R. O monoamortecedor traseiro (como se vê nas motos desportivas de maior cilindrada), com seu êmbolo de grande diâmetro, oferece excelente capacidade de resposta e ótima gestão da temperatura; este componente possui 5 níveis de afinação, com constante de mola e afinações de amortecimento otimizadas para complementarem a forquilha dianteira.

 

Em linha com as melhorias dinâmicas do chassis e da suspensão, a travagem também foi melhorada. O travão dianteiro de disco de 320 mm e a pinça única de quatro êmbolos do modelo anterior foram substituídos por dois discos de 296 mm e pinças radiais Nissin de dois êmbolos. A introdução dos discos de menor diâmetro não só mantém o eventual aumento de peso no mínimo, mas também reduz a pressão necessária na manete durante a travagem.

 

O peso a seco da nova CBR500R é de 192 kg, mas agora há mais peso na roda dianteira do que no modelo anterior para dar mais ênfase à maneabilidade e para melhorar a aderência da dianteira: a distribuição do peso entre a dianteira e a traseira é agora de 50,7/49,3 (em comparação com os anteriores 50,1/49,9). A distância entre eixos manteve-se nos 1410 mm, com um ângulo da coluna de direção de 25,5° e um eixo de arraste (trail) de 102 mm.

 

A CBR500R tem tudo a ver com agilidade e capacidade de resposta. A vista para a frente do posto de condução é puramente desportiva. Os avanços estão fixos à parte de baixo da mesa superior e, como resultado, a posição de condução é inconfundivelmente agressiva; a carenagem também está bastante baixa. Os poisa-pés de alumínio de aparência adequada a uma moto desportiva substituem os anteriores que tinham borracha; entre o par, estes componentes pensam menos 104 g e oferecem o máximo de suporte para uma condução mais animada. O guarda-lamas compacto é herdado diretamente da CB650R.

 

Os novos faróis duplos de LEDs são elegantes e herdados também diretamente da CBR650R; os seus feixes de luz são penetrantes e são complementados pelos piscas também de LEDs. O painel de instrumentos LCD inclui indicador de mudança engrenada e indicador de mudança mais alta; esta última função está programada para as 8750 rpm mas pode ser ajustada em incrementos de 250 rpm, entre as 5000 e as 8.750 rpm.

 

A altura do banco é baixa, 785 mm, o que torna a CBR500R um modelo bastante fácil de conduzir, com uma posição de condução confortável e muito espaço para condutores de todas as estaturas. As dimensões gerais são 2080 mm x 760 mm x 1145 mm, com altura ao solo de 130 mm.

 

O depósito tem capacidade para 17,1 litros, incluindo a reserva e, em combinação com a excelente economia do motor de apenas 3,5 l/100 km (28,6 km/l), oferece uma autonomia superior a 485 km.

 

3.2. Motor

 

  • O motor bicilíndrico muito vivo tem potência e binário agradáveis de usar em toda a faixa de rotação e uma sonoridade desportiva do escape de duas saídas
  • As novas afinações do sistema de PGM-FI aumentam a sensibilidade e o caráter
  • Radiador de novo design, mais elegante e mais leve
  • Embraiagem assistida com função de deslizamento, facilita a engrenagem das mudanças mais altas e suaviza as reduções
  • Homologação EURO5

 

O motor da CBR500R de 2022, uma moto que pode ser conduzida por detentores de carta A2, é uma unidade de dois cilindros paralelos, 8 válvulas, arrefecimento por líquido e 471 cm³; oferece um equilíbrio bem proporcionado entre dimensões físicas e potência disponível e agradável de usar, com um caráter energético de alta rotação e potência de pico muito forte. As atualizações de 2019 criaram maior poder de aceleração graças ao aumento de 4% na potência nas gamas baixa e média e de binário na faixa das 3 às 7000 rpm. É um motor cujo desempenho geral e caráter são bastante superiores ao que a sua cilindrada relativamente pequena poderia deixar supor. O pico de potência é de 35 kW e chega às 8600 rpm, com o pico de binário de 43 N·m a aparecer às 6500 rpm.

 

A admissão para a caixa de ar e para a rampa de injeção do sistema de injeção de combustível PGM-FI é mais ou menos a direito; para o modelo de 2022, a nova programação do sistema melhora a sensação de binário e do caráter do motor, mas sem comprometer as performances. A panela de escape possui duas saídas que dão uma sonoridade mais desportiva ao motor, endurecendo à medida que a rotação sobe. O novo radiador de estética mais agradável contribui para baixar o peso mais 100 g, sem nenhuma perda de eficiência de arrefecimento.

 

Os valores do diâmetro e do curso são de 67 e de 66,8 mm, respetivamente e a relação de compressão é de 10, 7 : 1; os moentes da cambota estão desfasados a 180° e há um veio de equilibragem de primeira ordem atrás dos cilindros, junto ao centro de gravidade da moto. O carreto primário e o carreto do veio de equilibragem são do tipo tesoura, para menor ruído. Os contrapesos da cambota têm formato específico e excelente equilíbrio de acoplagem e o seu baixo peso permite ao motor rodar livremente, com inércia reduzida.

 

Servindo como membro de esforço, o motor complementa a rigidez do quadro graças aos pendurais de montagem na cabeça do motor. Internamente, encontramos balanceiros de roletes na cabeça do motor e as válvulas são afinadas por pastilhas, aligeirando todo o conjunto, diminuindo a carga das molas das válvulas e reduzindo o atrito.

 

A distribuição é feita por corrente silenciosa (SV Chain), com pinos de superfície tratada com Vanádio, para menor atrito e melhor proteção contra o desgaste. As válvulas do motor têm diâmetros de 26,0 mm na admissão e 21,5 mm no escape.

 

O formato dos pistões foi desenhado cuidadosamente para reduzir o ruído a alta rotação. O atrito também é reduzido pelas estrias das saias dos pistões – um acabamento que aumenta a área da superfície através da introdução de folgas nas quais o óleo pode fluir, oferecendo melhor lubrificação. O triângulo formado pela cambota, pelo veio primário e pelo contraveio é eficiente e compacto. O bloco do motor usa camisas de paredes finas fundidas por centrifugação e o seu design interno reduz as perdas por bombagem que ocorrem nos motores com 180° de ordem de ignição. O cárter profundo reduz o movimento do óleo nas curvas acentuadas e nas travagens fortes; a capacidade de óleo é de 3,2 litros. A caixa de seis velocidades é suave e é gerida por uma embraiagem assistida com função deslizante.

 

 

 

  1. Acessórios

 

Está disponível toda uma gama completa de acessórios para a CBR500R. Estes incluem:

 

Top case de 35 L

Porta-bagagens traseiro

Saco de depósito

Saco para o banco

Para-brisas escurecido

Punhos aquecidos

Fichas de 12 V/USB tipo C

Bacquet para o banco traseiro

Autocolantes para as jantes

Proteção para o depósito

Disponibilidade: Sob Consulta

7 525,00 €

Seja o primeiro a analisar este produto

Etiquetas de Produtos

Utilize um espaço para separar as etiquetas. Utilize aspas simples (') para frases.